Archive for the ‘rio grande do norte’ Category

Desfile das Kengas

março 7, 2011

OK, sabe-se que o Carnaval de Natal não é dos mais animados, não existem blocos com milhões de foliões como em Recife, Salvador e Rio de  Janeiro.

Mas há um evento que atrai a atenção das pessoas que querem tranquilidade no Carnaval e vem passar o período em Natal: o Desfile das Kengas.

Forma-se, de certa forma, um constraste entre o provincianismo de Natal e o vanguardismo das liberdades individuais. No Centro Histórico, próximo à Prefeitura e à Assembléia Legislativa, ocorre um desfile público de travestis, drag queens e assemelhados (as chamadas Kengas), culminando com a eleição da Kenga do Ano.

Tudo isso à luz do dia, sob a assistência de famílias, em clima ordeiro e festivo. Poucas cidades do Brasil contam com evento desse tipo.

Segundo o Diário de Natal, em 2011 quase 20 mil pessoas prestigiaram o evento:

Pelo 28º ano seguido o Centro Histórico de Natal se rendeu a folia e irreverência do “Desfile das Kengas” que atraiu segundo a organização do evento cerca de 20 mil pessoas na rua Ulisses Caldas.

A programação teve início por volta das 16h com show da cantora Kristal, seguida de apresentação com as kengas Jarita Nigth and Day e Shakira que levaram muita descontração ao público diverso que compareceu entre famílias, jovens e idosos.

No início da noite ocorreu o momento mais esperado o desfile para a escolha da “Kenga do Ano”. Foram mais de 30 participantes que desfilaram e a comissão julgadora escolheu a kenga “Aspasma” que desfilou com o figurino de lavadeira, em homenagem as mulheres trabalhadoras. A festa foi encerrada com uma orquestra de frevo que animou os foliões.

Veja fotos das Kengas.

BR-101 no Rio Grande do Norte

março 20, 2010

O DNIT liberou hoje, 20 de março de 2010, mais um trecho de pista dupla da BR-101 no Estado do Rio Grande do Norte.

O projeto do Governo Federal prevê a duplicação da BR-101 no trecho entre Maceió e Natal. Com a duplicação, toda a economia desse extremo do Nordeste do Brasil ganhará impulso extra; o turismo em particular deverá se beneficiar, já que será facilitado em muito o trânsito de viajantes entre as capitais do Nordeste (ver essa nota sobre melhorias do acesso a Pipa).

Ressalte-se que, diferentemente do que se observa no sul e sudeste do país, todos os trabalhos vem sendo bancados pelo Governo Federal, e por isso não haverá nenhuma cobrança de pedágio na BR-101 Nordeste.

O trecho inaugurado hoje tem 11 km de comprimento, e vai do município de São José do Minipu em direção à Paraíba; com isso, já existem 28 km de estradas duplicadas entre Natal e a Paraíba.

A previsão é que os 42 km entre Natal e Arez, a cargo dos engenheiros do Exército, fiquem prontos até maio; o trecho de 38 km entre Arez e a Paraíba (que engloba Goianinha e Pipa), a cargo de empreiteiras privadas, deve ser entregue até setembro desse ano.

Maior estátua católica do mundo – Santa Rita de Cássia

novembro 8, 2009

A maior estátua católica do mundo está sendo construída no município de Santa Cruz, a aproximadamente 110 km de Natal. Trata-se da estátua em homenagem a Santa Rita de Cássia, que terá um total de 56 metros de altura, sendo 6 metros de pedestal, 42 metros da Santa e mais 8 metros de resplendor.

maior-estatua-religiosa-santa-rita

A estátua será maior do que o Cristo Redentor, no Rio de Janeiro, que tem 39 metros, e um pouco menor do que a Estátua da Liberdade, que tem 57 metros.

O principal responsável pelo projeto é o arquiteto, escultor e professor da Universidade Federal da Paraíba Alexandre Azevedo; segundo ele, a estátua será baseada na imagem da Santa que se encontra na Paróquia de Santa Rita de Cássia. “Para a construção da imagem, iremos fazê-la em tamanho natural em argila estruturada, depois tirar os moldes que pesam aproximadamente 200 kg cada um, medindo 1 metro quadrado. Eles serão feitos sobre a modelagem, tudo isso será numerado e depois transportado até o local da estátua, onde serão fixados sobre uma estrutura de ferro e concreto, molde a molde”.

A estátua será um dos componentes do Complexo Turístico e Religioso do Alto de Santa Rita, que contará também com capelas, auditório com capacidade para 200 pessoas, restaurante e lanchonetes, mirante, estacionamento e praça de visitação de romeiros. A estátua ficará no alto de uma colina, o Monte Carmelo.

estatua-santa-rita

Os governos de Santa Cruz e do Rio Grande do Norte pretendem tornar a cidade um centro de turismo religioso. Em 11 de outubro o Complexo de Santa Rita foi reconhecido pela Igreja Católica como lugar de peregrinação. O local é visitado por fiéis desde 1919, data em que foi fixada uma Cruz de Inharé, que deu nome à cidade: Santa Cruz do Inharé.

As obras estão bem adiantadas. A previsão da conclusão é para o início de 2010.

Fonte de informações e crédito das imagens: Prefeitura de Santa Cruz.

Pipa está mais vazia – e mais barata

novembro 2, 2009

Para quem (como eu) foi a Pipa pela última vez há uns dois ou três anos, a impressão que ficou é de ruas bastante movimentadas, hoteis cheios e caros, restaurantes caríssimos; não era incomum encontrar restaurantes vendendo pratos feitos (arroz, farofa, salada e um frango grelhado) a mais de R$ 20.

Parece que, atualmente, as forças de mercado estão agindo em favor dos consumidores. Diversas notícias negativas (principalmente referentes à segurança) têm diminuído o número de visitantes a Pipa; eventos como a Feira Literária e o Festival Gastronômico tentam combater o problema, mas não conseguem eliminá-lo por completo.

Visitei Pipa no final de semana de 24 a 26 de outubro de 2009.

Ficamos no hotel Pipa Resort (antigo Pipa Atlântico), com excelente localização na Baía dos Golfinhos, na entrada da vila, antes de chegar ao centro. O hotel oferece estacionamento interno, o que, para quem vai de carro, é extremamente útil (estacionar um carro nas ruas de Pipa é uma dificuldade).

Diária: R$ 160, num dos apartamentos mais simples (distante da piscina), mas ainda assim confortável. Tendo em vista que é um dos melhores hoteis de Pipa, o preço estava bastante baixo. Abaixo, uma foto.

pipa-resort

As ruas também estavam visivelmente menos movimentadas; isso tira um pouco do encanto de Pipa, que era justamente a grande movimentação de turistas pelas ruas, principalmente noturna. A foto abaixo foi tirada aproximadamente às 9 da noite (o que, para Pipa, ainda é cedo, mas costumava ser mais movimentada em anos anteriores).

pipa-noite

E justamente por conta dessa baixa movimentação, os restaurantes estão com preços bem acessíveis.

A pizzaria Calígula, uma das mais conhecidas da Pipa, estava com uma irresistível promoção de pizza grande marguerita por R$ 9,90. Na minha opinião, a Calígula oferece não apenas a melhor pizza de Pipa, como também a melhor pizza de Natal (a Calígula tem filial em Natal).

pizza-caligula-pipa

Para os que visitaram Pipa e se assustaram com os preços altos, fica a sugestão de fazer uma nova visita.

Hotel Thermas – Mossoró

outubro 11, 2009

Na década de 1970, a Petrobrás buscava petróleo na região de Mossoró (hoje, o Rio Grande do Norte é o Estado que mais produz petróleo em terra no Brasil, e Mossoró é a base de operações da Petrobrás no Estado – ver História da Petrobrás no Rio Grande do Norte).

Em alguns dos poços perfurados, encontrou-se não petróleo, e sim águas termais; em vez de fechar e isolar os poços, como é habitual nessa indústria, resolveu-se dar uma exploração comercial a esses poços d’água. Essa foi a origem do Hotel Thermas, inaugurado em 12 de janeiro de 1979; o hotel foi financiado e inicialmente administrado pelo Governo do Estado, que decidiu privatizá-lo nos anos 90.

hotel-thermas

A idéia foi explorar as potencialidades das águas termais, o que traria um grande crescimento econômico para a cidade. Atualmente, o hotel atrai curiosos, turistas e pacientes vêm até Mossoró para se banhar nas 14 piscinas de variadas temperaturas do Thermas.

Recentemente, o hotel foi visitado por empresários que exploram esse segmento de águas termais. Segundo eles, o Thermas tem vantagens em relação a locais turísticos similares, como a proximidade do mar (o Thermas localiza-se a aproximadamente 50 km do litoral; praticamente todas as outras localidades de águas termais do Brasil, como Caldas Novas e Caxambu, são afastadas da costa) e a composição mineral das águas (à base de sódio, potásio, cálcio e magnésio, elementos que trazembenefícios para a saúde).

A água quente provoca dilatação dos vasos sanguíneos e aumenta a circulação. Os exercícios podem ser realizados por qualquer faixa etária e proporcionam uma série de melhorias na qualidade de vida das pessoas. As águas termais contribuem para amenizar diversos problemas de intestino, pele, reumatismo, artrite, artrose, estresse, insônia, coordenação motora, postura e aumenta a capacidade respiratória.

Festa do Boi – Parnamirim

outubro 10, 2009

Será aberta oficialmente hoje a 47ª edição da Festa do Boi; além de ser um dos mais tradicionais (quase cinquenta anos ininterruptos), a Festa é também um dos eventos mais populares do Estado: estima-se a presença de 400 mil pessoas.

A Festa do Boi realiza-se no Parque Aristófanes Fernandes, em Parnamirim; o parque localiza-se na divisa entre Parnamirim e Natal, bem próximo ao aeroporto de Natal.

O evento originou-se como encontro de profissionais do setor agropecuário: criadores e compradores de animais, fabricantes de máquinas e equipamentos, vendedores de rações e remédios para animais.  Nesse gênero, a Festa do Boi é ainda o maior encontro do país.

Nos últimos anos, entretanto, a programação da Festa alterou-se bastante, de forma a atrair público mais diverso. Hoje, a Festa do Boi tornou-se evento para todas as pessoas; a principal atração é a apresentação de bandas de forró; barraquinhas de comidas e lanches são espalhadas pelo parque; um grande parque de diversões é montado para as crianças.

festa-do-boi

Ingressos: R$ 3 inteira e R$ 1,50 a meia; até as 13 horas, entrada franca (a fim de estimular a presença de crianças e escolas – o evento é excelente oportunidade para que crianças criadas em cidades vejam animais como cavalos, cabras, vacas).

Feriado no RN relembra mártires de Uruaçu e Cunhaú

outubro 2, 2009

O dia 3 de outubro é, desde 2006, feriado estadual no Rio Grande do Norte, para comemoração do Dia dos Bem-Aventurados Mártires de Cunhaú e Uruaçu.

Em 16 de julho de 1645, o padre André de Soveral e setenta fiéis católicos  participavam de uma missa dominical da Capela de Nossa Senhora das Candeias, no Engenho Cunhaú, município de Canguaretama quando foram atacados e cruelmente mortos por centenas de índios potiguares, sob o comando de militares holandeses.

Canguaretama é um dos municípios potiguares mais próximos à divisa com a Paraíba; quem passa pela BR-101 não pode deixar de notar, na entrada para Canguaretama, um pequeno monumento com menção aos mártires.

Algumas semanas depois, em 3 de outubro de 1645, aconteceu outro massacre, no qual 80 pessoas foram mortas por holandeses; entre os mortos, ficou o registro do camponês Mateus Moreira, que teria tido o coração arrancado pelas costas por negar-se a renunciar ao catolicismo. Esse massacre aconteceu na Comunidade Uruaçu, em São Gonçalo do Amarante, distante de Natal 18 km.

Em 1989, o Vaticano formalizou o processo de beatificação dos mártires. Em dezembro de 1998, o papa João II assinou o decreto reconhecendo o martírio de 30 brasileiros, sendo dois sacerdotes e 28 leigos; em 5 de março de 2008, o Papa celebrou a beatificação dos primeiros mártires brasileiros.

igreja-dos-martiresEm São Gonçalo do Amarante, principalmente a partir da lei que intituiu o feriado, toda a semana que antecede o 3 de outubro é celebrada com diversas festas e procissões;  o principal evento é a encenação do Auto dos Mártires, que reúne 80 atores da própria comunidade, e que a cada ano vem ganhando em produção e em audiência.

O feriado e a celebração não são unanimidade no Estado. Veja como os católicos descrevem o episódio dos mártires; veja como não-católicos criticam a instituição do feriado.

Lagoa Guaraíras

setembro 24, 2009

A Lagoa Guaraíras é aquela que margeia Tibau do Sul, no caminho para Pipa; quem vem a Pipa pela BR-101, passando por Goianinha, vê a lagoa por um bom trecho, antes de chegar a Tibau do Sul; quem vem de buggy pela praia tem que pegar uma balsa para atravessar a lagoa.

Abaixo, um mapa com a localização da Lagoa Guaraíras.
Exibir mapa ampliado

A foto abaixo mostra um pouco da beleza de Guaraíras, tirada de um mirante que todo turista visita. A lagoa tem como atrativos tanto as barraquinhas da beira-mar, como passeios de barco que avançam água adentro; ademais, os melhores hoteis de Tibau do Sul têm como atrativo uma vista da lagoa.

guarairas-tibau-do-sul

Mas há alguns fatos sobre Guaraíras que, estranhamente, são pouco divulgados.

O nome Tibau significa, no idioma dos cariris e janduís (ambos da etnia tupi-guarani), “região entre duas águas”; essas duas águas são justamente o Oceano Atlântico e a antiga lagoa Guaraíras. Isso significa que Guaraíras foi, um dia, isolada do mar (ou seja, uma verdadeira lagoa).

Segundo relatos que ouvi de pessoas que conhecem a História da região, essa lagoa Guaraíras era muito menor que a atual, e havia um vilarejo em suas margens. Um dia, a população teria pensado em construir um canal ligando a lagoa ao mar, possivelmente com o propósito de facilitar a navegação entre o mar (onde se praticava a pesca, principal meio de sustento da região) e as casas à beira da lagoa.

Entretanto, como resultado não planejado, o mar acabou por alargar o canal e invadir a lagoa, aumentando seu tamanho e submergindo o vilarejo; as pessoas ali residentes foram removidas para a atual Tibau do Sul (que, por sinal, não fica “entre duas águas”).

A história é facilmente comprovável (há algumas lendas sobre Guaraíras, mas tratando de outros temas). Segundo seus contadores, diversas casas do vilarejo ainda estão submersas, e podem ser vistas por mergulhadores. Espero algum dia fazer esse mergulho pessoalmente e postar as fotos aqui.

Rio Grande do Norte será auto-suficiente em energia

setembro 23, 2009

Na abertura do Congresso para a Geração de Energia e Negócios no Nordeste (Cogenn), que se realiza em Natal, a governadora Wilma de Faria fez uma declaração bombástica: até 2010, o Estado do Rio Grande do Norte será auto-suficiente em energia, ou seja, será capaz de produzir dentro do Estado toda a energia que consome.

Alguns fatos tornam a declaração ainda mais surpreendente: em 2003, a produção de energia no Estado era zero; até hoje, o Estado continua sem ter nenhuma usina hidrelétrica (que provocam grande impacto ambiental); a auto-suficiência será obtida a partir de fontes energéticas próprias do Rio Grande do Norte: petróleo, gás e vento.

Com a auto-suficiência, o Estado passa a ficar imune a problemas de geração e transmissão de energia em outros locais do país (o Brasil passou por um apagão em 2001 e viu diversas outras ameaças de falta de energia desde então); isso representa uma grande vantagem competitiva para a economia do Estado.

Essa nova matriz energética já incorpora diversas usinas termoelétricas (a maior das quais a Termoaçu, no Vale do Açu) e diversos parques eólicos (como os da Iberdrola, em Rio do Fogo, e da Petrobras, em Macau). Até o final de 2010, diversas outras usinas termoelétricas, eólicas e a gás serão inauguradas em diversos locais do Estado.

De acordo com as previsões do Governo, em 2010 o Estado terá capacidade de produzir 640 Megawatts hora, para um consumo da ordem de 600 Megawatts hora.

Veja também: Energia no Rio Grande do Norte, blog mantido pelo atual Secretário de Energia do Estado.

Lajes é a primeira cidade digital do Rio Grande do Norte

setembro 22, 2009

Lajes é um pequeno município com pouco mais de dez mil habitantes situado no interior do Rio Grande do Norte, a pouco mais de 100 km da capital Natal.

lajesAté recentemente, Lajes era conhecida principalmente por ser o município onde se localiza o Pico do Cabugi, o único vulcão (já extinto) no Brasil; se você já viajou entre Natal e Fortaleza de ônibus, provavelmente passou algum tempo em Lajes, pois é lá que os ônibus dão uma parada para o lanche.

Lajes está entrando na era digital. Primeiro, a cidade foi escolhida para acolher o I Encontro dos Blogueiros do Rio Grande do Norte, que ocorrerá no dia 26 de setembro.

E agora a Prefeitura de Lajes anunciou que, já a partir do dia do Encontro de Blogueiros, a administração pública disponibilizará um serviço gratuito de internet sem fio que cobrirá toda a área urbana da cidade; além disso, será montado um quiosque na praça central com computadores e acesso à internet, para quem não tiver máquinas em casa.

Lajes torna-se, assim, a primeira cidade do Estado do Rio Grande do Norte a poder intitular-se Cidade Digital.

Leia mais sobre o dia a dia da cidade no Blog de Lajes.